Sexta, 07 de Agosto de 2020 14:52
(88) 9 81453468
Dólar comercial R$ 5,42 1.407%
Euro R$ 6,38 +0.734%
Peso Argentino R$ 0,07 +1.499%
Bitcoin R$ 66.433,73 -2.345%
Bovespa 104.015,23 pontos -0.11%
Boa Viagem Regime de urgência

Vereadores desaprovam projeto de lei enviado pela prefeitura que pretendia criar taxa do lixo em Boa Viagem

Em sessão extraordinária solicitada pela prefeita Aline Vieira (PL), vereadores derrubaram o projeto em regime de urgência por maioria de votos

02/07/2020 11h02 Atualizada há 1 mês
1.415
Por: Redação
Arquivo do Portal
Arquivo do Portal

Boa Viagem. Em sessão extraordinária convocada pela prefeita de Boa Viagem, Aline Vieira (PL) realizada nesta quinta feira (02), vereadores do município de Boa Viagem desaprovaram por maioria de votos (8 a 6), o regime de urgência da criação de um projeto de lei que segundo os parlamentares, criaria uma taxa de cobrança de resíduos sólidos (Taxa do Lixo).

O projeto de lei nº 019/2020 autoriza o município de Boa Viagem a participar do consórcio publico do manejo de resíduos sólidos da região do Sertão Central 2. Segundo o parlamentar Adelmo Rodrigues (PSD) a prefeita agiu de forma provocativa, reuniu os vereadores em período de recesso para tentar votar um projeto que segundo o vereador vai em desencontro com os interesses públicos.

''É um consórcio entre municípios, para criar um aterro sanitário, a seus custos e administração ser gerida e custeada pelos municípios participantes, e quem vai pagar essa conta? a população de Boa Viagem, a prefeita convocou os vereadores para criar a taxa do lixo.'' explicou o parlamentar sobre o consórcio.

O vereador e presidente José Anchieta questionou a ausência de informações enviadas à Câmara Municipal, segundo o parlamentar, apenas vereadores da situação tiveram acesso a dados técnicos e valores, e que a casa legislativa só recebeu demais informações após muita insistência, o presidente se atentou ao fato de em um dos artigos (1º artigo da 1ª pagina, anexo III)  conter a criação da taxa, denominada DRSD (imposto) e alertou aos vereadores.

Segundo a vereadora Maria Alzira (PSD), o projeto apesar de não ser aprovado um dia poderá retornar à casa legislativa, a parlamentar alegou que apesar de ''antipático'', o projeto se faz necessário, segundo Alzira, que estudou sobre o tema, o consórcio será uma necessidade obrigatória que tramita no congresso e senado federal.

Segundo o vereador Serginho (PSC) o consórcio proporcionaria ao município, duas usinas de beneficiamento (reciclagem) de lixo, uma em Boa Viagem e outra em Canindé. Serginho votou à favor do projeto.

O projeto de lei teve maioria de votos contrários e foi desaprovado na Câmara Municipal em regime de urgência e deverá retornar á casa legislativa. 

Vejam como votaram os vereadores para o regime de urgência.

À FAVOR (06):

- Jardel Fernandes

- Sérgio Fernandes

- Érika Teixeira

- Arnaldo Cavalcante

- Júnior do Citó

- Maria Alzira

CONTRA (08)

- Clícia Muniz

- José Airto

- Ceiça Araújo 

- Emanuel Braz

- Adelmo Rodrigues

- Ismael Fragoso

- José Anchieta

- Jovino Mendes

 

PORTAL SERT NEWS - TUDO O QUE ACONTECE

Ele1 - Criar site de notícias