É NOTICIA
TOPO
Quixeramobim

Homem se esconde detrás de colchão e mata desafeto em Quixeramobim

Vítima foi surpreendida pelo suspeito que escondido no colchão atirou a queima roupa

23/11/2019 15h14
Por: Redação
1.129
De acordo com levantamentos feitos pelos investigadores o assassino se escondeu atrás de um colchão e surpreendeu a vítima, efetuado tiros de pistola calibre .40 a queima-roupa. Foto > Alex Pimentel
De acordo com levantamentos feitos pelos investigadores o assassino se escondeu atrás de um colchão e surpreendeu a vítima, efetuado tiros de pistola calibre .40 a queima-roupa. Foto > Alex Pimentel

Uma ação conjunta, realizada por equipes da Delegacia da Polícia Civil em Quixeramobim e do pelotão da Polícia Militar nesta cidade, elucidou o homicídio de Rodrigo da Silva Bento, 24 anos, assassinado nas dependências da sua residência, na manhã desta sexta-feira (22).

Horas após o crime, o suspeito, Antonio Carlos Alves da Silva, vulgo “Neguinho”, 21, foi capturado. No local do crime investigadores apuraram que a vítima foi assassinada no momento em que adentrava a varanda da sua residência numa motocicleta.

Rodrigo foi agarrado pelo pescoço e alvejado por disparos de pistola calibre .40. Ele ainda estava com o capacete de segurança quando foi baleado. Os tiros atingiram ainda uma parede e a motocicleta dele. O assassino, havia se escondido por detrás de um colchão deixado na varanda.

De acordo com o delegado da Polícia Civil em Quixeramobim, Thiago Salgado, o crime está relacionando a uma disputa entre facções criminosas rivais. “Neguinho confessou o crime, mas ainda estamos trabalhando para localizar a arma de fogo, a pistola utilizada na execução. Há possibilidade de envolvimento de outros traficantes no crime“, explicou o delegado. Tanto o autor como a vítima moram no mesmo bairro, Jaime Lopes, na periferia da cidade.

Por esse motivo as investigações levam a uma possível disputa por território. “Com a continuidade dos trabalhos investigativos, que no seu início contaram com o apoio da equipe plantonista da Delegacia Regional da Polícia Civil, em Quixadá, tudo será esclarecido e os responsáveis identificados e indiciados. Neguinho foi autuado em flagrante, por homicídio qualificado“, completou o delegado.

 

As informações são do Jornal Diário do Nordeste

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários