Quinta, 26 de Maio de 2022
23°

Poucas nuvens

Boa Viagem - CE

Anúncio
Senado Federal Senado Federal

Mutirões de atendimento a pessoas com deficiência estão na pauta do Plenário

O Senado pode votar na próxima quinta-feira (17) projeto que determina a realização periódica de mutirões de atendimento terapêutico multidisciplin...

14/02/2022 às 17h20
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
Pauta inclui tratamento a pessoas com deficiência e penas menores por crimes contra o consumidor
Pauta inclui tratamento a pessoas com deficiência e penas menores por crimes contra o consumidor

O Senado pode votar na próxima quinta-feira (17) projeto que determina a realização periódica de mutirões de atendimento terapêutico multidisciplinar às pessoas com deficiência. A pauta da sessão deliberativa também tem proposta que reduz as penas para crimes contra o consumidor e proposição que transforma cargos da Defensoria Pública da União. A sessão é semipresencial e está marcada para as 16 horas.

De acordo com o PL 2.868/2019, da Câmara dos Deputados, os mutirões de atendimento às pessoas com deficiência devem ser feitos em espaços públicos e conter ações multiprofissionais, interdisciplinares e intersetoriais para proporcionar desenvolvimento e respostas clínicas aos atendidos. O relator na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), senador Lucas Barreto (PSD-AM), foi a favor da aprovação do texto sem mudanças.

Ao apresentar o projeto, o autor, deputado licenciado Fabio Faria (atual ministro das Comunicações), citou dados do IBGE, segundo os quais quase 24% da população brasileira é composta por pessoas com algum tipo de deficiência. De acordo com o projeto, é preciso atender essas pessoas adequadamente e em tempo razoável para que o tratamento tardio não seja uma barreira ao desenvolvimento de capacidades, habilidades e competências.

Redução de penas

Também na pauta, o PL 316/2021 reduz a pena prevista para crimes contra as relações de consumo, como a venda de produtos em condições impróprias, a indução do consumidor a erro por divulgação publicitária, a venda casada e o favorecimento de clientes em detrimento de outros. O projeto também coloca sobre os estabelecimentos comerciais a obrigação de provar que os seus produtos estão em condições próprias para consumo e uso.

O texto modifica a Lei 8.137, de 1990, que tipifica crimes de ordem econômica, como aqueles contra as relações de consumo. A pena de detenção para esses crimes cai para seis meses a dois anos — atualmente, é de dois a cinco anos. Além disso, a redução da pena para hipóteses de modalidades culposas das condutas é elevada para metade — atualmente, a redução máxima é de um terço da pena. 

O autor, deputado Aureo Ribeiro (Solidariedade-RJ), disse considerar as penas desproporcionais. O projeto aguarda parecer do relator, senador Angelo Coronel (PSD-BA).

Cargos

O terceiro projeto na ordem do dia de quinta-feira é o PL 4.041/2021, da Defensoria Pública da União.  O texto transforma 21 cargos de defensor público federal de 2ª categoria em 18 cargos de defensor público de 1ª categoria. O projeto, assim, ampara a recomposição de profissionais do órgão devido à criação do Tribunal Regional Federal da 6ª Região, com jurisdição em Minas Gerais. O relator do texto é o senador Alexandre Silveira (PSD-MG).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Boa Viagem - CE Atualizado às 01h23 - Fonte: ClimaTempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 21° Máx. 33°

Sex 32°C 21°C
Sáb 30°C 22°C
Dom 31°C 20°C
Seg 31°C 20°C
Ter 30°C 22°C
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Enquete
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias