É NOTICIA
TOPO
Descaso

Populares reclamam da falta de manutenção de poucos chafarizes disponíveis

Tampas danificadas, torneiras quebradas e falta de limpeza são principais reclamações

16/09/2019 10h32
Por: Redação
227
Foto: Populares
Foto: Populares

Boa Viagem. Financiada e instalada pelo Governo do Estado, a adutora que trás água do açude Umari em Madalena para os Boa-viagenses, sem dúvidas amenizou os efeitos causados pela falta de água no município que dependia de carros pipas e poços profundos perfurados pela COGERH.

A instalação de chafarizes também foi uma das alternativas da Defesa Civil para fornecer água através de carros pipas em diversos bairros, além dos chafarizes instalados pela Prefeitura nos anos 2015/16, dezenas de poços perfurados pelo estado também auxiliaram o problema de escassez hídrica. 

Contudo, em 2019 a situação continua delicada, a água que chega nas torneiras tem data marcada mensalmente pela equipe do S.A.A.E, e em alguns lugares há quem ainda utilize os poucos chafarizes existentes.

A Prefeitura local decidiu remover em alguns pontos os reservatórios que chegam a aportar cerca de 5 mil litros de água, os que ainda sobraram apresentam sinais de vandalismo, falta de manutenção e condições de higiene duvidosas com o acumulo de terra e lodo. 

Na rua agronomando rangel no bairro vila azul por exemplo, um chafariz foi flagrado por um morador com a situação apresentando problemas em sua estrutura, a tampa aparece quebrada e expondo o recipiente favorecendo o mosquito Aedes aegypti a sua proliferação, temendo problemas de saúde e buscando uma água de qualidade, os moradores do referido bairro solicitaram para que as autoridades competentes possam consertar o equipamento afim de evitarem prejuízos.

PORTAL SERT NEWS - TUDO O QUE ACONTECE

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários