Segunda, 12 de novembro de 2018
88 9 9688 9654

35º

Min 22º Max 35º

Muito nublado

Boa Viagem - CE

às 15:42
Sertão Central

03/09/2018 às 17h31

298

Redação

Boa Viagem / CE

Brigadistas concluem nesta segunda-feira combate a incêndio florestal em Canindé
De acordo com o Chefe de Brigada de Pronto Emprego do Ceará, Talys Anderson Silva, os pontos de fogo foram eliminados após seis dias de trabalho.
Brigadistas concluem nesta segunda-feira combate a incêndio florestal em Canindé
Divulgação

Os Brigadistas de Pronto Emprego Prevfogo, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) deverão encerrarnesta segunda-feira (3) os trabalhos de combate ao fogo em áreas de mata nativa dos assentamentos Jacurutu e Lagoa Verde, situados a cerca de 25Km do Centro de Canindé. De acordo com o Chefe de Brigada de Pronto Emprego do Ceará, Talys Anderson Silva, os pontos de fogo foram eliminados após seis dias de trabalho. 


Mesmo assim, os moradores das duas comunidades rurais deverão permanecer em alerta após a devastação, segundo eles, pelas chamas, de aproximadamente 30 hectares de caatinga preservada nos dois assentamentosimplantados pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). O mais afetado deles foi o Sítio Jacurutu, onde moram 155 famílias, explicou o líder comunitário Antônio Francisco Bernardino, conhecido como “Antônio Mota”.



Ele reconheceu que a brigada especial deveria ter sido acionada tão logo surgiu o primeiro foco de fogo na região. Os assentados acreditam que o incêndio pode ter sido provocado por algum invasor ao fazer fumaça para espantar abelhas e colher mel mata adentro.”Os moradores conhecem as técnicas de manejo da retirada de mel sem causar riscos, além do mais sabem ser proibida a utilização de fogo sem controle“, acrescentou.


A reportagem do Diário do Nordeste visitou as áreas destruídas pelos incêndios e acompanhou um dia de trabalhodos 15 brigadistas acampados no Assentamento Jacurutu desde a última quarta-feira, 29 de agosto. A maior dificuldade deles é o acesso até os focos de fogo. Apesar de a mata estar seca nesta época do ano é preciso abrir caninho entre as arvores com galhos secos e pontiagudos. Mesmo nas estradas abertas pelo trator vez por outra se deparam com algumas caídas.



Os trabalhos de isolamento dos pontos de fogo têm início às 5h. São interrompidos ao meio-dia e recomeçados às 15h, seguindo noite adentro, quando é melhor de identificar onde ainda há riscos. Antes de saírem a campo realizam o mapeamento e planejamento das ações. Para realizarem o combate utilizam equipamentos de proteção individual (EPI). Apitos e aparelhos GPS auxiliam os batedores na orientação do restante da equipe.


principal equipamento utilizado por eles é o soprador costal. Com ele é possível realizar o trabalho de cinco brigadistas.

FONTE: Diário do Nordeste

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium