Quinta, 20 de setembro de 2018
88 9 9688 9654

29º

Min 22º Max 32º

Tempestuoso

Boa Viagem - CE

às 11:07
Estado

21/08/2018 às 09h30

139

Redação

Boa Viagem / CE

Em entrevista, General Theophilo afirma que “não houve ditadura no Brasil”
-
Em entrevista, General Theophilo afirma que “não houve ditadura no Brasil”
Divulgação

 


O candidato ao Governo do Estado pelo PSDB, General Theophilo, declarou ontem, 20, em entrevista ao O POVO, que “não houve ditadura no Brasil”, mas “um contra-golpe democrático” em 1964, a fim de evitar a implantação do comunismo.


Segundo o tucano, o poder deveria ter sido devolvido aos civis após o comunismo ter sido evitado, contudo, “os militares subiram à cabeça, alguns deles exacerbados, os atos institucionais”. Para Theophilo, ocorreram erros, “mas o Brasil precisava ainda de um regime de exceção. Não é ditadura, não houve ditadura. O regime de exceção é um regime forte”, afirmou.


Em relação a torturas, prisões e censuras durante as duas décadas do regime militar, o tucano ainda citou a morte de alguns militares e ressaltou que ambos os lados estavam em uma “guerra suja”.

FONTE: O Povo Online

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium